Muitos procedimentos são realizados nas maternidades e algumas vezes os pais só sabem depois, porém alguns deles são sim muito importantes, necessários e não causam dor ou sofrimento ao bebê. A triagem neonatal auditiva ou teste da orelhinha é um teste necessário e indolor realizado nos bebês recém-nascidos para diagnóstico e tratamento precoce de deficiências auditivas que possam comprometer o desenvolvimento da fala, aprendizado e desenvolvimento da criança.

  • O Teste da Orelhinha é gratuito?

O Teste da Orelhinha é obrigatório por lei e (deveria ser) gratuito em todas as maternidades e hospitais. Geralmente é feito no 2º ou 3º dia de vida do bebê. (Lei sancionada em 2/ago/2010 e publicada no DOU dia 3. Link)

  • A formação do sistema auditivo

A formação do sistema auditivo se dá principalmente a partir das 20 semanas completas de gestação, quando o bebê já recebe alguns estímulos sonoros.
Aproximadamente com 34 semanas os ossículos começam a funcionar e a audição se dará por completa após o nascimento. (Fonte)

  • Incidência e grupos de risco para deficiências auditivas

A probabilidade de o recém-nascido apresentar alguma deficiência auditiva é de 1 a 2 em 1000 nascidos vivos. Esse número pode ser de até 1 em cada 100 se a criança pertencer a grupos de risco e apresentar uma ou mais características abaixo:

– Baixo peso (<1500g)
– Prematuridade
– Ventilação mecânica por mais de 5 dias
– Mais de 48h de UTI
– Ma formação auricular
– Infecções intra-uterino uterinas por sífilis, citomegalovírus, rubéola, toxoplasmose
– Hiperbilirrubinemia
– Histórico familiar

  • Como é feito o teste da orelhinha

O exame é realizado por um profissional fonoaudiólogo que avalia a coclea com um aparelho de Emissões Otoacusticas Evocadas (EOAs) que produz estímulos sonoros e mede o retorno desse estímulo (eco).
Tem a duração de 5 a 10 minutos e é feito bilateralmente durante o sono natural do bebê.

Caso o bebê se mexa, é necessário esperar o repouso para a correta medição.

Teste da orelhinha do bebe em casa
É colocado como um fone de ouvido que emite ondas e capta o eco.

 

  • Resultados alterados

O resultado sai na mesma hora e o fonoaudiólogo encaminha ao médico. Caso o resultado não seja satisfatório, pode ser necessária a repetição dentro de alguns dias.

Se for detectado alguma anormalidade, o pediatra encaminha o paciente ao otorrinolaringologista para exames específicos de avaliação audiológica e acompanhamento.

O diagnóstico precoce da deficiência auditiva permite que a criança seja tratada e tenha um desenvolvimento próximo do normal em relação à aquisição da fala, desenvolvimento cognitivo e social.

***

  • Parto Domiciliar ou em casas de parto

Quando o parto não acontece dentro do hospital, o pediatra que fez o primeiro atendimento faz um pedido de exame. Os pais tem duas alternativas: Levar o bebê a uma maternidade ou clínica que ofereça o Teste da Orelhinha ou chamar uma fonoaudióloga em casa para fazer a avaliação.

Esse foi o caso da Alice que nasceu em casa (como contei aqui). Chamamos uma profissional que realizou o teste na sala de casa enquanto ela dormia e pela primeira vez pude como é realizado. A avaliação teve um custo de 90 reais e o resultado foi entregue na hora.

Teste da orelhinha triagem neonatal acústica

Bjssss

Sobre Aninha

Mãe de um trio de meninas: Bruna (6), Clara (4) e Alice (2). Dedico meu tempo à minha família e ao LookBebê. Antenada, adoro redes sociais e tecnologia e mais ainda, compartilhar conhecimento e informações sobre a maternidade. Sou (fui) Biomédica, pós-graduada em Engenharia Biomédica, mas optei por mergulhar de cabeça na maternidade.