Oi amores!!!

O {post convidado} de hoje é da Débora, uma amiga das redes sociais que há 4 meses teve um dos piores dias da vida dela, quando a filha se queimou. Ela estava próxima, a avó da bebê também, e mesmo assim não puderam evitar o acidente. A maior lição que ela tirou foi: cozinha definitivamente não é lugar de criança.

 

Gostaria de dividir com vocês a dor do dia mais desesperado da minha vida. 28/06, estávamos eu e minha mãe na cozinha, além da minha bebê de 11 meses, que estava tirando todos os potes do armário. O forno estava ligado assando o nosso almoço. Estávamos lá pois tenho uma filha de 2 anos e 9 meses que estava dormindo, e ela com sono é terrível.
Olhei para a Bia, um segundo depois minha mãe gritou: “queimou” e em seguida o choro…… Peguei ela no colo e olhei para sua mão, uma bolha gigante em toda a palma. Comecei a chorar também, peguei a chave do portão – minha mãe mora lá a 24 anos com certeza algum vizinho iria me ajudar – mas não tinha ninguém na rua.
Voltei para dentro coloquei a mão dela embaixo da água fria, mas nada fazia ela parar de gritar. Liguei para o meu marido, perguntei o que fazia, ele demorou 3 segundos para entender o que estava acontecendo. Desliguei na cara dele por não ter “tempo” pra explicar. Nisto fui até a rua de cima onde mora a melhor amiga da minha mãe, tia de consideração, ela pegou a Bia no colo e falou: Vamos ao hospital!
Nunca cheguei tão rápido lá, e nunca fui atendida tão rápido…… Assim que o enfermeiro passou a pomada e enfaixou ela parou. Nossa! Mamou bastante e dormiu por 4 horas seguidas! Que susto, com certeza o maior.
Durante 20 dias trocamos o curativo, depois em 10 dias secou, no dia 28/07 já estava “normal” !
Com isso aprendi:
  • nunca permaneçam com um bebe na cozinha se o forno estiver ligado.
  • Se for um ambiente conjugado coloque uma barreira na frente, uma cadeira por exemplo!
  • Se por ventura acontecer uma queimadura, jogue soro fisiológico, e cubra com um pano limpo, pois o maior risco é infeccionar. Graças a Deus isso não aconteceu com a Bia.

 

Se quiserem saber mais sobre como EVITAR acidentes com queimaduras, acessem o site CriancaSegura.org.br

 

Bjosssss

 

Sobre Aninha

Mãe de um trio de meninas: Bruna (6), Clara (4) e Alice (2). Dedico meu tempo à minha família e ao LookBebê. Antenada, adoro redes sociais e tecnologia e mais ainda, compartilhar conhecimento e informações sobre a maternidade. Sou (fui) Biomédica, pós-graduada em Engenharia Biomédica, mas optei por mergulhar de cabeça na maternidade.