Bruna já esta com seus 5 anos e 7 meses e Clara 3 anos e 5 meses e agora começaram a sair da fralda a noite.

Há algum tempo penso no desfralde noturno da Bru (ambas desfraldaram aos 2 anos e 7 meses durante o dia) mas sendo bem sincera, as prioridades de uma mãe de uma única criança são diferentes das de uma mãe de duas, e das de uma mãe de três, ainda mais quando a criança mostra sinais claros de que não está pronta já que a fralda amanhece cheia quase todos os dias. Claro que essa não é uma função exclusiva da mãe mas como aqui em casa meu marido chega tarde e eu estou por conta das meninas, precisaria sim que fosse eu a pessoa disposta a estar atenta, levar ao banheiro, conversar e levantar de madrugada para trocar de roupa de cama, pijamas ou dar banho.

Fugi dessa função quando a Bru estava com 4 anos e meio, pois a Alice estava para nascer e não queria ter esse trabalho sendo eu a única interessada em fazer acontecer. (Já é trabalho demais ter 3 e uma RN né?) Ela sempre fez muito xixi a noite, amava tomar a mamadeira e o momento da chegada do bebê não é exatamente o melhor para fazermos mudanças como essas. 

Bom, um pouco antes dos 5 anos conversamos sobre tirar a mamadeira e ir para o copo, porque eu achava que 5 anos já era a data limite aceitável de mamadeira e fralda noturna. Ela disse que topava, compramos um copo novo mas nunca deu certo. Com essa história de irmã mais nova tomando mamadeira (e outra peito) fica difícil não deixar com que ela tenha esse momento de aconchego. Não acho que isso seja um problema, uma vez que ela não é totalmente dependente disso (se estivermos na rua ou eu viajar e esquecer de levar ela vai entender).

Bom…. Mas e aí? Como tirar a fralda sem tirar a mamadeira – que faz com que ela faça ainda mais xixi a noite? 

Resolvemos esperar mais um pouco. Tinha época em que ela dizia que queria tirar mas no dia seguinte ou 2 dias depois voltava atras. No mês passado foi diferente.

Um dia depois de lavarmos o sofá, a Bruna dormiu e fez xixi nele. Eu briguei e fiquei inconformada de como ela podia fazer xixi, não acordar e continuar dormindo em cima do xixi. Surtei, me descabelei, gritei, coloquei o boneco dela de castigo até limpar tudo, conversei por telefone com o meu marido e vi que eu estava errada. Errada por brigar e mais errada ainda por dar um castigo. Quem não levou no banheiro fui eu, quem não colocou a fralda fui eu, quem deu a mamadeira fui eu. Tudo bem que era cedo e eu não esperava um xixi antes das 23h (poucos minutos depois de ela pegar no sono do meu lado), mas não importa. Que ela fazia xixi dormindo era um fato, o que eu não podia era descontar nela se eu não levei pro banheiro antes que ela fizesse.

Nesse dia meu sobrinho chegou em casa. Ele tem 4 anos e não usa fraldas. Passados alguns dias e as duas disseram que também não queriam mais usar. Falei que antes de tirar, eu iria fazer um teste e se a fralda amanhecesse seca durante os próximos 5 dias (até a volta do pai) eu deixaria dormir sem. A Bruna amanheceu 4 dias seguidos fazendo uma festa com a fralda seca até que no quinto, estava cheia. A Clara só conseguiu acordar com a fralda vazia 1 ou 2 dias. Decidi então seguir somente com a Bru.

Depois que o pai chegou tinha dia que fazia e dia que não. Por alguns dias colocamos a fralda somente depois que ela estivesse dormindo e estava funcionando bem. Mas… a lei de Murphy prevalecia: ela fazia xixi exatamente no dia em que eu não colocava fralda nem proteção na cama. E outro dia foi na nossa cama. Aí todo mundo ficava estressado e o marido já falava pra colocar logo fralda.

Eu falei que não ia colocar e que também não tinha fralda. Se fosse colocar iria ser da Alice. rsrsrs.
Tomado fôlego, continuamos. Nessa altura a Clara já estava fazendo menos xixi que a Bru e entre idas e vindas, entre usar fraldas da Alice (elas são magrelas e não machuca), resolvemos mesmo tirar.
Algumas crianças não fazem muito xixi a noite e fazem essa transição muito bem, mas não era o caso. Como ela já passou dos 5 anos e meio ELA precisa querer e EU preciso estar disposta e ter paciência. É um trabalho conjunto.

Elas sempre foram muito diferentes a noite: A Clara não fazia muito xixi e as vezes acordava seca. A Bru acordava com a fralda cheia, quando não vazava. Como a Bru quer muito tirar a fralda, essa diferença está sendo compensada pela persistência dela e força de vontade.

Nos últimos 4 dias o balanço foi positivo. 3 dias de sucesso, e um (apesar do xixi das 23:30h) com escape. E – murphy de novo – eu não tinha forrado a cama com protetor.

***

Minha sogra disse que na época dela, ela achava que TINHA que desfraldar os filhos antes dos 3, e que um dos meninos fez xixi na cama até os 7 anos. Ela diz que se fosse hoje faria diferente, e que pior do que ter um filho com fraldas aos 5-6 anos a noite, é ter um filho que faz xixi na cama e se envergonha disso. O trauma pode ser muito maior quando forçamos uma etapa quando eles não estão prontos.

***

Conversei com a Lilian Britto, psicóloga que escrevia aqui no blog (clique aqui para ver os posts dela) e ela disse que o desfralde normalmente é feito a partir dos 3 anos, que é quando a criança já tem consciência do seu corpo e consegue controlar os esfíncteres e geralmente acontece até os 5 anos, salvo exceções.
Algumas crianças tem histórico de enurese devido a algum trauma, questão biológica ou histórico familiar e muitas vezes eles repetem os pais. Alguns pais também não tem muita paciência e a fralda acaba sendo uma mão na roda. (Carapuça serviu aqui)
Ela alertou ainda que aos 6-7 anos é comum ter uma regredida por causa da alfabetização. A criança precisa ter mais controle cognitivo e descontrola “embaixo”. Rsrs
Cada criança é única e cada circunstância deve ser avaliada.

Mas então vamos às dicas:

  • Espere a criança ter vontade de não usar fraldas

As vezes eles se incomodam com a fralda ou acordam quase sempre secos. Essa é uma indicação que o desfralde pode ser bem tranquilo.

  • Evite dar muito líquido a noite

De nada adianta deixar sem mamadeira se depois do jantar a Bru tomar um copo de água. Mesmo com o xixi das 23:30h, o escape aconteceu 3:30h da manhã.

  • Se for dar mamadeira/leite, tente oferecer pelo menos 1 hora antes de deitar

Conversei que a mamadeira poderia ficar desde que elas tomassem mais cedo. Tem dias que a Bru pede, tem outros que não. Com a Clara funciona melhor. Se ela fizer um xixi antes de dormir, acorda seca mesmo que a mamadeira seja tomada menos de 30 minutos antes.

Já a Lili (psicóloga) recomenda que os líquidos sejam oferecidos até 2h antes de dormir. (vou tentar com a Bru).

  • Coloque para fazer xixi antes de dormir e se necessário (dependendo do horário de dormir), novamente entre 23:30h e 1h da manhã (perceba o horário que é melhor para seu filho)

Muitas pessoas diziam que quando desfraldaram os filhos levavam para o banheiro 1h da manhã, mas percebi que tinha que levar até as 23:30h para evitar acidentes caso ela não tivesse feito xixi nas últimas 2h, então esse horário é o que melhor funcionou por aqui. Para que eu não esquecesse, coloquei um alarme no celular!

  • Forre a cama

Sou a favor de proteger o colchão com uma capa impermeável para preservar a longo prazo (como falei nesse post de Dicas para o Desfralde), mas no início acho interessante colocar aquele tapete higiênico de cachorro ou lençol absorvente descartável, que mostrei no post sobre o desfralde da Clara. Assim a dor de cabeça é menor e fica mais prática a troca da roupa de cama.

  • Se permita voltar atrás se perceber que não é hora!

Espero que ajude!!!

Bjosss

Sobre Aninha

Mãe de um trio de meninas: Bruna (6), Clara (4) e Alice (2). Dedico meu tempo à minha família e ao LookBebê. Antenada, adoro redes sociais e tecnologia e mais ainda, compartilhar conhecimento e informações sobre a maternidade. Sou (fui) Biomédica, pós-graduada em Engenharia Biomédica, mas optei por mergulhar de cabeça na maternidade.